quarta-feira, 18 de junho de 2014

Sou amor. Apenas amor

Não te posso prometer nada mais que não seja amar-te. Desculpa, mas sou amor. Não sei se para ti é o suficiente, não sei se amar-te basta. Mas eu sou só amor e não passo de tudo isso.
Se queres alguém que te ame todos os dias, que te acorde de sorriso no rosto e adormeça de coração quente, estou aqui. Se queres entregar o teu coração a alguém que o agarra como se fosse o dele, sou eu, estou aqui. Se queres confiar em alguém, sabendo que serás sempre a razão de cada gesto, digna de todo o respeito, estou aqui. Sabes onde me encontrar. Não sou mais do que quem te ama, protege, cuida e respeita, sou o homem que vês e não o que imaginas. Sou amor, todo amor, não passo disso. Mas se queres aventuras, sofrimento e traições, se queres ser mais um troféu numa vitrina qualquer, eu não sirvo, desculpa. Sou apenas amor.

Sem comentários:

Enviar um comentário